Oi meninas. Hoje vamos explicar os critérios que devem ser preenchidos para você poder fazer laqueadura. Entenda, para quase tudo no Brasil existe uma lei, e para poder realizar a laqueadura tubária não é diferente. Por ser considerado um método anticoncepcional definitivo (apesar de atualmente podendo ser reversível mas com baixas taxas de sucesso), não é qualquer mulher que pode realizar o procedimento.

A lei 9.263/96 estabelece algumas exigências para que a laqueadura seja realizada, são elas:

  1. MULHERES COM CAPACIDADE CIVIL PLENA – enquadram-se aqui todas as mulheres que possuem capacidade de agir por si mesmo em todos os atos da vida civil.
  2. PELO MENOS 18 ANOS E DOIS FILHOS VIVOS – sim, se você tem 18 anos e já possui 2 filhos, segundo a lei você poderá realizar a laqueadura tubárea.
  3. IDADE MÍNIMA DE 25 ANOS INDEPENDENTE DO NÚMERO DE FILHOS – se a sua opção é não ter filhos, após completar 25 anos você poderá realizar a laqueadura.
  4. INTERVALO DE 60 DIAS ENTRE A DECISÃO E A CIRURGIA – este tempo seria para que a mulher tenha acesso a informações em relação a cirurgia e conheça as alternativas a esterilização cirúrgica definitiva.
  5. CONSENTIMENTO ESCLARECIDO OBRIGATÓRIO – aqui necessitamos do adequado preenchimento e assinatura do documento entregue pelo médico no qual ele explica tudo em relação ao procedimento e suas alternativas.
  6. CONSENTIMENTO DO CASAL NA VIGÊNCIA DE SOCIEDADE CONJUGAL – é necessário que o maridão também esteja de acordo.

É isso aí meninas… Lembrando que este é um procedimento simples, com poucos riscos porém de difícil reversão. Então, certifique-se realmente desse seu desejo antes de tomar a decisão final. E outra coisa importante que deve ser dita! A laqueadura também não garante 100% de anticoncepção. Sua taxa de falha é de 0,5 %.